A história do rei Asa

Felipe Miranda Uncategorized Deixe seu comentário

A História do Rei ASA 2 Cr 14-16

... uma história que nos ensina muito...

Capítulos 14 a 16

CAPÍTULO 14

1o Momento – Atitude: Obediência (Consequência: Paz)

O Senhor deu paz durante 10 anos ao reinado de Asa – v.1 Asa fez o que era bom e direito e assim agradou a Deus – v.2 Aboliu os ídolos, cultos e altares estranhos – v.3,5
Ordenou ao povo a adorar ao Senhor – v.4

2o Momento – Atitude: Preparação (Consequência: Fortalecimento)

Construiu muralhas e fortalezas – v.6
Reconheceu que seu sucesso administrativo dependia do Senhor – v.7

3o Momento – Atitude: Confiança (Consequência: Vitória)

Foi à guerra com 580 mil soldados de Judá e Benjamim contra 1 milhão de soldados e 300 carros de guerra da Etiópia – v.8- 10
Confiou em Deus – v.11

Foi vitorioso – v.12
Levou o despojo – v.13-15

CAPÍTULO 15

4o Momento – Atitude: Orientação (Consequência: Coragem)

Através do profeta Azarias, Deus dá ao povo a orientação – v.1-2
O profeta diz para que sejam fortes e não desanimem – v.7 Ao ouvir a profecia, o rei Asa ficou cheio de coragem – v.8 Asa renovou o altar do Senhor – v.8

Asa ofereceu sacrifício a Deus – v.11

5o Momento – Atitude: Aliança (Consequência: Intimidade)

Asa e todo o povo fizeram uma aliança com Deus – v.12-14 O povo se alegrou com o concerto, pois tinham feito de todo o coração – v.15

6o Momento – Atitude: Fidelidade (Consequência: Proteção)

Asa depôs Maaca da posição de Rainha-Mãe por sua idolatria – v.16-17
Asa colocou no Templo os objetos que seu pai havia separado – v.18-19

CAPÍTULO 16

7o Momento – Atitude: Provação (Consequência: Expectativa)

Baasa, o rei de Israel, invadiu Judá – v.1
Baasa cerca as muralhas de Judá – v.1
Baasa também cerca o caminho que ligava Judá a Jerusalém (a cidade da adoração ao Senhor) – v.1

8o Momento – Atitude: Profanação (Consequência: Indiferença)

O rei Asa retirou os objetos sagrados do Templo do Senhor, de ouro e prata, além dos tesouros da casa do rei, para presentear o rei da Síria, Ben-Hadade com a finalidade de firmar uma aliança com aquele povo – v.2

Asa fez aliança com Ben-Hadade – v.3-4

9o Momento – Atitude: Repreensão (Consequência: Indignação)

O profeta Hanani profetiza contra Asa e diz que por Asa não ter confiado em Deus haveria guerra pelo resto de seu reinado – v.7-9
Asa se irritou com o profeta Hanani e mandou amarrá-lo com correntes e prendê-lo – v.10
Asa perseguiu alguns do próprio povo (provavelmente aqueles que concordaram com o profeta Hanani) – v.10

10o Momento – Atitude: Dúvida (Consequência: Morte)

Asa adoeceu dos pés com uma doença muito grave – v.12 Asa preferiu confiar somente nos médicos que em Deus – v.12 Asa morreu – v.13

RESUMO:

Asa começou muito bem seu reinado – colocou Deus em primeiro plano – teve experiências maravilhosas com o Senhor, experimentou o impossível acontecer diante dos seus olhos, quando Deus o deu vitória contra o poderoso exército da Etiópia - conseguiu unir todo o povo em um só propósito de adorar somente ao Senhor – porém, com o tempo, foi perdendo o primeiro amor até perder totalmente o temor, a ponto de profanar o Templo do Senhor e retirar os bens da Casa de Deus e enviá-los como presente a uma terra de um povo pagão – se esqueceu de confiar em Deus e fez aliança com um povo estranho – não aceitou a correção de Deus e condenou o profeta do Senhor – adoeceu e preferiu, novamente, confiar mais nos homens e recusar ao auxílio de Deus – diante de sua teimosia, Asa morreu...

PERSONAGENS

ABIAS – Pai do rei Asa – 2 Cr 14.1 ASA–ReideJudá (Reino do Sul) –2Cr14.1
BAASA – Rei de Israel (Reino do Norte) – 2 Cr 16.1 BEN-HADADE – Rei da Síria – Habitava em Damasco – 2 Cr 16.2 ZERÁ – Comandante do exército da Etiópia – 2 Cr 14.1 AZARIAS – Profeta do Senhor – Filho de Odede – 2 Cr 15.1 HANANI – Profeta do Senhor – Foi amarrado e preso por ter profetizado contra o rei Asa – 2 Cr 16.7
MAACA – Mãe (ou Avó) do rei Asa – Rainha-Mãe – 2 Cr 15.16 MÉDICOS – Cuidaram da doença Asa porém não puderam curá- lo – 2 Cr 16.12

* O propósito desse estudo é destacar fatos importantes contidos no texto para que possam ser explanados de maneira eficaz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.