PODEMOS JULGAR?

Felipe Miranda O. Morais Estudos Bíblicos Deixe Seu Comentário

PODEMOS JULGAR?
Não só podemos como devemos!
* A Bíblia NUNCA censurou o julgamento;
caso contrário ela seria contra a JUSTIÇA!
 
* O que Jesus ensinou é que não devemos julgar pelas aparências, e sim pelos FATOS!
Ora, não se pode julgar e acusar alguém por que alguém diz que ele “tem cara de ladrão”…
Agora, se esse alguém realmente praticou o roubo, ele é devidamente julgado e acusado como ladrão!
Isso é exercer JUSTIÇA.
“Não julguem apenas pela aparência,
mas FAÇAM JULGAMENTOS justos”.
João 7:24
_______________________________________

# Observe como o apóstolo Paulo faz um julgamento justo, e exerce a justiça, de acordo com o padrão divino de santidade dentro da Igreja:

– 1º TINHA TESTEMUNHAS:
“Por toda parte SE OUVE que HÁ IMORALIDADE entre vocês, imoralidade que não ocorre NEM ENTRE OS PAGÃOS, a ponto de alguém de vocês POSSUIR A MULHER DE SEU PAI.”
1 Coríntios 5:1
– 2º JÁ DEVIAM TER JULGADO E EXCLUÍDO O IMORAL:
“E vocês estão orgulhosos! Não deviam, porém, estar cheios de tristeza e EXPULSAR DA COMUNHÃO aquele que fez isso?”
1 Coríntios 5:2
– 3º O APÓSTOLO PAULO EXCLUIU UM MEMBRO DA IGREJA EM CORINTO, “PELO PODER” e “EM NOME DE JESUS”:
“Eu, …, JÁ DETERMINEI, como se estivesse presente, que O QUE TAL ATO PRATICOU, Em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, …, pelo poder de nosso Senhor Jesus Cristo, Seja, este tal, entregue a Satanás …”
1 Coríntios 5:3-5
– 4º É DEVER DA IGREJA JULGAR OS FATOS
“Pois, como haveria eu de julgar os de fora da igreja? NÃO DEVEM VOCÊS JULGAR OS QUE ESTÃO DENTRO?”
1 Coríntios 5:12
– 5º O VEREDICTO:
Deus julgará os de fora.
“EXPULSEM esse perverso do meio de vocês”.
1 Coríntios 5:13
_______________________________________
# OUTRO EXEMPLO DE QUE DEVEMOS JULGAR:
– Como saberemos quem são os falsos profetas?
– Depois de identificados, podemos defini-los como falsos?
– Qual é o padrão de julgamento?
“Acautelai-vos, porém, dos FALSOS profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.
POR SEUS FRUTOS os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
Portanto, PELOS SEUS FRUTOS os conhecereis.”
(Mateus 7:15-20)
_______________________________________
Julgamento = Discernimento

 

DEVEMOS JULGAR

 

  1. DEVEMOS JULGAR SEGUNDO A RETA JUSTIÇA (OU SEJA: SEGUNDO ÀS ESCRITURAS)

 

Não julgueis segundo a aparência, mas JULGAI SEGUNDO A RETA JUSTIÇA. João 7:24

 

  1. DEVEMOS JULGAR SABENDO O QUE É JUSTO (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

E POR QUE NÃO JULGAIS TAMBÉM POR VÓS MESMOS O QUE É JUSTO? Lucas 12:57

 

  1. DEVEMOS JULGAR TODAS AS COISAS (SEGUNDO ÀS ESCRITURAS)

 

Mas o que é espiritual DISCERNE bem tudo, e ele de ninguém é discernido. 1 Coríntios 2:15

 

EXAMINAI TUDO. Retende o bem. 1 Tessalonicenses 5:21

 

  1. DEVEMOS JULGAR O PECADO NA IGREJA (SEGUNDO ÀS ESCRITURAS)

 

Porque, que tenho EU EM JULGAR TAMBÉM OS QUE ESTÃO DE FORA? NÃO JULGAIS VÓS OS QUE ESTÃO DENTRO? 1 Coríntios 5:12

 

  1. DEVEMOS JULGAR ALGUM PROBLEMA ENTRE OS IRMÃOS (SEGUNDO ÀS ESCRITURAS)

 

Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos, e NÃO PERANTE OS SANTOS? Não sabeis vós que OS SANTOS HÃO DE JULGAR O MUNDO? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, SOIS PORVENTURA INDIGNOS DE JULGAR AS COISAS MÍNIMAS? Não sabeis vós que HAVEMOS DE JULGAR OS ANJOS? QUANTO MAIS AS COISAS PERTENCENTES A ESTA VIDA? Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, pondes para julga-los OS QUE SÃO DE MENOS ESTIMA NA IGREJA? Para vos envergonhar o digo. NÃO HÁ, POIS, ENTRE VÓS SÁBIOS, NEM MESMO UM, QUE POSSA JULGAR ENTRE SEUS IRMÃOS? 1 Coríntios 6:1-5

 

  1. DEVEMOS JULGAR A PREGAÇÃO (SEGUNDO ÀS ESCRITURAS)

 

Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, EXAMINANDO cada dia nas Escrituras SE ESTAS COISAS ERAM ASSIM. Atos 17:11

 

  1. DEVEMOS JULGAR O ENSINAMENTO QUE RECEBEMOS (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Falo como a entendidos; julgai vós mesmos o que digo. 1 Coríntios 10:15

 

  1. DEVEMOS JULGAR AS NOSSAS AÇÕES (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Porque, se nós nos julgássemos a nós mesmos, não seríamos julgados. 1 Coríntios 11:31

EXAMINE-se, pois, o homem A SI MESMO, e assim coma deste pão e beba deste cálice. 1 Coríntios 11:28

 

  1. DEVEMOS JULGAR AS PROFECIAS (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

E falem dois ou três profetas, e OS OUTROS JULGUEM. 1 Coríntios 14:29

 

  1. DEVEMOS JULGAR OS ESPÍRITOS DOS PROFETAS (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Amados, NÃO CREIAIS A TODO O ESPÍRITO, mas PROVAI se os espíritos são de Deus, PORQUE já MUITOS FALSOS PROFETAS se têm levantado no mundo. 1 João 4:1

 

  1. DEVEMOS JULGAR AS OBRAS MÁS (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes CONDENAI-AS. Efésios 5:11

 

  1. SÓ PODEMOS JULGAR (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Não julgueis, para que não sejais julgados. Porque COM O JUÍZO COM QUE JULGARDES SEREIS JULGADOS, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós. E por que reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, estando uma trave no teu? Hipócrita, TIRA PRIMEIRO a trave do teu olho, E ENTÃO CUIDARÁS EM TIRAR o argueiro do olho do teu irmão. Mateus 7:1-5

 

[* aqui, o Senhor Jesus não está condenando a ação de julgar em si, mas a hipocrisia de um julgamento injusto, o qual é feito “sem tirar a trave do olho de quem julga.”]

 

  1. DEVEMOS JULGAR AS PRÁTICAS (FRUTOS) DE CADA PESSOA (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Acautelai-vos, porém, dos FALSOS PROFETAS, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, INTERIORMENTE, são lobos devoradores. POR SEUS FRUTOS OS CONHECEREIS. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? Assim, toda A ÁRVORE BOA PRODUZ BONS FRUTOS, e toda A ÁRVORE MÁ PRODUZ FRUTOS MAUS. NÃO PODE A ÁRVORE BOA DAR MAUS FRUTOS; NEM A ÁRVORE MÁ DAR FRUTOS BONS. Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, PELOS SEUS FRUTOS OS CONHECEREIS. Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que PRATICAIS A INIQUIDADE. Todo aquele, pois, que ESCUTA ESTAS MINHAS PALAVRAS, E AS PRATICA, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. E aquele que OUVE ESTAS MINHAS PALAVRAS, E NÃO AS CUMPRE, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda. E aconteceu que, concluindo Jesus este discurso, a multidão se admirou da sua doutrina; Porquanto os ensinava como tendo autoridade; e não como os escribas. Mateus 7:15-29

 

Ou fazei a ÁRVORE BOA, e o seu FRUTO BOM, ou fazei a ÁRVORE MÁ, e o seu FRUTO MAU; porque PELO FRUTO SE CONHECE A ÁRVORE. Raça de víboras, como podeis vós DIZER BOAS COISAS, SENDO MAUS? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca. O homem bom tira boas coisas do bom tesouro do seu coração, e o homem mau do mau tesouro tira coisas más. Mateus 12:33-35

 

 

  1. DEVEMOS JULGAR SE ESTAMOS SENDO CONDUZIDOS PELA CARNE OU PELO ESPÍRITO (SEGUNDO AS ESCRITURAS)

 

Se vós, porém, vos MORDEIS e DEVORAIS uns aos outros, vede não vos CONSUMAIS também uns aos outros.

“Digo, porém: ANDAI EM ESPÍRITO, e NÃO CUMPRIREIS A CONCUPISCÊNCIA DA CARNE. Porque A CARNE COBIÇA CONTRA O ESPÍRITO, e O ESPÍRITO CONTRA A CARNE; e estes OPÕEM-SE um ao outro, para que não façais o que quereis. Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei. Porque AS OBRAS DA CARNE SÃO MANIFESTAS, as quais são: adultério, fornicação (imoralidade sexual), impureza (despudor), lascívia (libertinagem), idolatria, feitiçaria, inimizades (ódio), porfias (discórdia), emulações (ciúmes), iras, pelejas (egoísmo), dissensões (divergências), heresias (facções), invejas, homicídios, bebedices (embriaguez), glutonarias (orgias), e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus. Mas O FRUTO DO ESPÍRITO é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei. E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências. Se vivemos em Espírito, ANDEMOS TAMBÉM EM ESPÍRITO. Não sejamos COBIÇOSOS DE VANGLÓRIAS, IRRITANDO-NOS uns aos outros, INVEJANDO-NOS uns aos outros.” Gálatas 5:15-26

 

* Portanto: JULGAI TUDO, mas SEGUNDO A RETA JUSTIÇA DE DEUS; isto é: Segundo a Palavra de Deus!

Graça & Paz